PARTICIPE

Uma pessoa pode participar do Servas como anfitrião (host), day host ou viajante. Para ingressar no Servas, o interessado deve solicitar seu interesse através do e-mail brasil@servas.org. Receberá uma ficha de inscrição e, após preencher esta, fará uma entrevista para conhecermos seu perfil, o que o fez procurar o Servas, sabermos seu interesse e como imagina participar do grupo.

Caso o entrevistado tenha o perfil compatível e se comprometer a defender os princípios do Servas (promoção da paz, tolerância e respeito entre os povos, intercâmbio cultural, preservação do meio ambiente, entre outros) o seu cadastro é aprovado, seu nome é incluído na lista de membros do Servas Brasil assim como no Yahoo grupos (lista de discussão) e deverá contribuir com uma taxa anual simbólica de R$ 30,00 (trinta reais), utilizada para despesas eventuais do Servas, como auxílio em encontros regionais, projetos (SYLE, PDJPP), envio de correspondências (LOIs, selos) e possível auxílio  em viagens representativas.

Para poder viajar pelo Servas, deverá emitir uma “carta de apresentação” internacionalmente conhecida como LOI – Letter of Introduction. Esta é válida por um ano e a taxa para emissão é de R$ 120,00 (cento e vinte reais) para novos membros ou aqueles considerados “apenas viajantes*”, ou R$ 60,00 (sessenta reais) para “membros atuantes**”.

*São considerados membros “apenas viajantes”:
– Membros que estão ingressando no Servas Brasil e já emitindo uma LOI;
– Aqueles que nos últimos 12 meses:
– não receberam ou acompanharam nenhum viajante;
– Não retornaram ou auxiliaram os viajantes com informações;
– Não exercem nenhuma atividade dentro do Servas;
– Não participaram de nenhum evento ou encontro promovido pelo Servas;

**São considerados membros “ativos”:
– Aqueles que desenvolvem algum trabalho voluntário junto ao Servas (coordenador, entrevistador, listas, ajuda em eventos, comitês, etc);
– Receberam como “Host” ou “Day Host” algum viajante nos últimos 12 meses;
– Não puderam receber mas auxiliaram com informações os viajantes.

Acesse aqui aqui nosso Resumo Explicativo sobre o SERVAS!

Foi instituído em 2012 o Programa de Desenvolvimento de Jovens Promotores da Paz – PDJPP que visa a sustentabilidade do Servas através do desenvolvimento de novas lideranças e promotores da paz.

O Servas é gerido por voluntários e qualquer membro pode se candidatar ou contribuir para colaborar na gestão, assim como desenvolver e participar de projetos.

Entre em contato já!

Contato: brasil@servas.org